por carracuca

A gente se sente adulto e moderno, herdeiro dos melhores sonhos da adolescência, parte da espécie feliz dos adultos livres que são amados e correspondidos – os que acharam uma alma gêmea, aqueles que jamais estarão sozinhos.

A chave (Ivan Martins)

Anuncios